Por que a gestão de logística e cadeia de suprimentos são fundamentais para uma empresa

Por que a gestão de logística e cadeia de suprimentos são fundamentais para uma empresa? Como empresário, é importante se perguntar essas questões. Afinal, embora esses conceitos sejam muito usados quando o assunto é a gestão e administração de empresas, nem todas as pessoas conhecem seus significados. Por isso, como consequência, não têm noção dos importantes papéis que eles exercem na organização de um negócio.

Sendo assim, nesse artigo, buscamos explicar por que a gestão de logística e cadeia de suprimentos são fundamentais para uma empresa. Desse modo, você pode entender como utilizar esses dois elementos a seu favor.

Por que a gestão de logística e cadeia de suprimentos são fundamentais para uma empresa
Fonte: ShutterStock

Entendendo a gestão de logística e cadeia de suprimentos

Para entender bem a importância da gestão de logística e cadeia de suprimentos para uma empresa, é preciso antes entender no que consistem os dois conceitos.

Comecemos, então, pela cadeia de suprimentos. Trata-se da cadeia que se responsabiliza pelos sistemas operacionais e métodos que estão ligados ao produto, seja de forma direta ou indireta. Ela engloba toda a jornada do produto, incluindo assim estágios como inventário, depósitos, avaliação do nível de satisfação do cliente, etc. É, portanto, uma estrutura que rege todos os procedimentos que envolvem a produção e a venda de um produto. Chamamos a administração dessa estrutura de gestão da cadeia de suprimentos.

Já a logística é uma fase que faz parte da cadeia de suprimentos. Ela engloba tudo que se refere ao movimento físico de um produto, ou seja, seu deslocamento. É através da logística que administramos e priorizamos, por exemplo, os prazos de entrega.

Por que a gestão de logística e cadeia de suprimentos são fundamentais para uma empresa

Uma vez que você entende o que significa gestão de logística e cadeia de suprimentos, o passo seguinte é saber por que eles são importantes para o funcionamento da sua empresa. E a questão, aqui, pode ser resumida a duas palavras: gerenciamento eficiente.

Mas do que isso se trata? Bem, a gestão de logística e cadeia de suprimento têm a função de otimizar os processos de funcionamento e organização da sua empresa.

Para entender como isso acontece, é preciso examinar a jornada de produção e quais os processos que ela envolve. A cadeia de suprimentos é a estrutura que examina tudo, adotando uma perspectiva panorâmica de todos os processos. Sendo assim, ela engloba inclusive as etapas de planejamento, antes que a produção comece de fato a ocorrer. Nessa etapa, são planejados o fornecimento e a demanda do produto.

A partir do momento em que a produção física começa a ocorrer, entramos na etapa da gestão de logística. Então, tudo que envolve o movimento físico do produto é incluído nesse estágio. E o que é essencial, aqui, é a possibilidade de diminuir custos com uma administração mais eficiente.

Além disso, é importante citar que a boa gestão de logística e cadeia de suprimentos é fundamental para melhorar a experiência do cliente com a sua empresa. Afinal, esses processos cuidam da jornada do produto até as mãos do cliente, o que permite que você trabalhe com prazos melhores e mais satisfatórios.

Como administrar esses processos

A melhor forma de lidar com a gestão de logística e cadeia de suprimentos da sua empresa é através da terceirização de serviços para uma empresa experiente e estabelecida no mercado, como a Infotec Brasil. O trabalho oferecido busca implementar um modelo de gestão e controle que garanta um funcionamento mais eficiente de todas as empresas clientes. A Infotec Brasil tem atuação em todo o território nacional, sempre buscando a eficácia na realização de projetos. Quer saber mais sobre o nosso trabalho? Entre no nosso site para obter mais informações.

Saiba Mais!

O que é a logística organizacional

A logística organizacional é fundamental para o bom funcionamento da sua empresa. No entanto, muitos empresários não conhecem direito o significado desse conceito. Por consequência, acabam não aplicando-o no seu dia a dia de trabalho, e seus negócios saem prejudicados.

Por isso, neste artigo, explicaremos o que significa logística organizacional e como é possível aplicá-la nos procedimentos da sua empresa. Continue lendo para descobrir.

O que é a logística organizacional
Fonte: ShutterStock

O conceito de logística organizacional

Antes de mais nada, é preciso definir o que é a logística organizacional. E o conceito de logística na verdade não surge no mundo empresarial, mas sim na esfera militar. Suas bases foram desenvolvidas pelo tenente-coronel George Cyrus Thorpe, dos Estados Unidos, que, em 1919, publicou o livro “Logística Pura: a ciência da preparação para a guerra”. No livro, o tenente coloca a logística no mesmo patamar da estratégia militar, afirmando que ela se referia aos meios que permitem a condução das operações do exército.

A partir daí, a importância da logística só cresceria, sendo expandida pelo almirante Henry Eccles, que é conhecido como o “pai da logística moderna”. Eccles, no entanto, também focaria no estudo da logística militar, e o conceito de logística empresarial só surgiria a partir do anos 50 e 60.

Nesse momento, com a globalização, a logística emerge como um elemento de fundamental importância para garantir o funcionamento eficiente das empresas. Afinal, na economia globalizada, as operações crescem em escala, e, com isso, precisam de um monitoramento mais cuidadoso.

É nesse contexto que surge o que hoje consideramos como a logística organizacional integrada. Trata-se, portanto, de uma metodologia que examina o fluxo de serviços, produtos e informações desde seu ponto de origem até o momento em que chega ao ponto de consumo, ou seja, o cliente. Isso engloba armazenamento, fornecimento de matérias-primas, estocagem, transportes e diversos outros procedimentos incluídos nessa jornada.

Como fazer uso da logística organizacional

Desse modo, é possível perceber que o planejamento da logística organizacional de uma empresa diz respeito a todos os seus setores de funcionamento. Assim, é algo que afeta a empresa como um todo, e, portanto, deve ser tratado com muito cuidado.

Existem algumas atitudes que podem melhorar a logística organizacional da sua empresa. Vejamos, então, as principais delas.

Otimizar a gestão de estoque

Com um controle extensivo de estoque, você pode aproveitar melhor a tecnologia e os recursos que você utiliza para armazenar seus produtos e materiais. É preciso, então, avaliar com cuidado qual é o seu volume de estoque e se esta é uma quantidade adequada para os seus negócios.

Não ignorar as embalagens

As embalagens de produtos são gastos que muitos gestores ignoram. Portanto, evite cair nesse erro, investindo em embalagens de qualidade. Isso é muito positivo para o relacionamento com o cliente, que aprecia embalagens boas.

Garantir a eficiência do transporte

Um planejamento de logística organizacional inclui buscar formas de transporte mais eficientes e rápidas. Desse modo, você pode garantir um bom atendimento ao cliente, que recebe o produto com velocidade, e também uma redução de custos para a empresa. Assim, é possível melhorar a sua imagem e otimizar os seus recursos.

Invista em uma melhora de logística organizacional para a sua empresa

Diante disso, fica claro que investir em uma melhora de logística organizacional para a sua empresa é uma ótima ideia. E lembre-se que cada passo de planejamento de logística deve ser realizado por profissionais especializados na área. Ou seja, o ideal é contratar uma empresa que possa administrar a sua logística por você, como a Infotec Brasil. Dessa forma, você pode organizar seus processos internos e externos e descobrir onde enxugar custos desnecessários. Para mais informações, visite o site da empresa.

Saiba Mais!

Como melhorar a logística de distribuição da sua empresa

Quanto maior o crescimento do mercado na sua área de atuação, maior a concorrência que a sua empresa enfrentará. Sendo assim, é preciso buscar formas para se destacar e melhorar a eficiência de seus processos. Uma boa maneira de fazer isso é otimizar a logística de distribuição da sua empresa.

Esse é um caminho eficaz para fazer o seu negócio se destacar. Afinal, uma boa logística de distribuição de seus produtos melhora a experiência que o cliente tem com a sua marca, fazendo com que ele crie uma opinião positiva a respeito.

Diante disso, vamos falar um pouco sobre como você pode otimizar a logística de distribuição da sua empresa.

Fonte: Freepik

Formas de melhorar a logística de distribuição da sua empresa

É possível definir a logística de distribuição como a distribuição e movimentação física de um produto e também como o canal pelo qual essa distribuição acontece. Desse modo, melhorar esse processo é melhorar o deslocamento do seu produto desde a sua produção inicial até o momento em que ele chega às mãos do cliente.

Por conta disso, o conceito de logística está intimamente ligado à satisfação do consumidor. É uma noção que surge nos anos 50 e 60 e torna o deslocamento do produto mais benéfico tanto ao produtor quanto ao cliente. Isso porque, ao afetar a questão do transporte, ambos os lados saem ganhando: uma boa logística de distribuição é responsável por reduzir, por exemplo, os custos da movimentação de um produto e seus prazos de entrega.

Sendo assim, para melhorar a logística de distribuição da sua empresa, a primeira coisa que se deve ter em mente é a organização. Esse é o princípio que deve guiar qualquer estratégia de logística. Vejamos, então, algumas maneiras de aplicá-lo em um nível prático.

Comece pela compreensão

Antes de mais nada, você precisa compreender a sua oferta. Quais são os produtos que você oferece? Quais deles vendem mais, e, portanto, precisam ser transportados com maior frequência?

É crucial que você conheça bem o seu estoque antes de adotar uma estratégia de logística de distribuição. Por isso, faça um inventário dos seus produtos, da sua matéria-prima e dos seus materiais de embalagem.

Repita essa prática regularmente, após um determinado período de tempo. Dessa forma, você terá conhecimento pleno do seu estoque, o que ajuda a planejar os processos de deslocamento.

Faça um planejamento do roteiro de entrega dos veículos

Planejar com antecedência as rotas dos veículos que transportam os seus produtos é uma maneira de garantir que esse transporte ocorra da maneira mais eficiente possível. Afinal, isso possibilita que você escolha rotas mais rápidas e eficazes. Você também pode poupar recursos realizando múltiplas entregas com um único percurso.

Invista em tecnologia

A tecnologia fornece diversas ferramentas que podem ser usadas para melhorar a logística de distribuição da sua empresa. Existem, por exemplo, softwares exclusivamente voltados para a gestão de estoques, que podem ajudar com inventários de produtos, endereçamento, separação de pedidos e outras etapas importantes.

Escolha bem os seus fornecedores

Independentemente de como você obtém a matéria-prima para a fabricação dos seus produtos, os seus fornecedores de materiais são parte integral do processo de produção da sua empresa. Sendo assim, é importante investir em contratos com fornecedores confiáveis, que providenciem materiais de qualidade com eficiência.

Garanta uma boa coordenação dos processos

Todas as etapas referentes ao armazenamento e à distribuição de produtos devem ser monitoradas e administradas por uma equipe profissional especializada no assunto. Para isso, é uma boa ideia contar com uma empresa que realize esses serviços, como a Infotec Brasil.

Saiba Mais!