Petrobras celebra 60 anos de olho em 2020

          Empresa apresenta planos para dobrar volume de produção

          Há exatos 60 anos, em 3 de outubro de 1953, era fundada a Petrobras, uma das principais empresas brasileiras e de grande destaque também no exterior. Celebrando suas seis décadas, a operação – atuante nas áreas de exploração, produção, refino, comercialização e transporte de petróleo e seus derivados – apresenta um plano agressivo de crescimento para os próximos anos.

          A meta principal é dobrar a produção até 2020, chegando a 4,2 milhões de barris por dia. Para isso, apenas este ano, nove plataformas, com capacidade de produção de um milhão de barris diários, serão entregues à Petrobras. Também já estão contratadas 28 sondas de perfuração marítima para águas ultra profundas, em processo de construção inédito no Brasil e com previsão de entrega para 2015. Para transportar o petróleo produzido até a costa, foram encomendados 49 navios de transporte, dos quais cinco já foram entregues.

          A área de refino também deve apresentar crescimento acelerado. A produção de derivados, como diesel, gasolina e querosene de aviação, subirá dos 2,1 milhões de barris por dia produzidos atualmente para três milhões em 2020. Já no segmento de fertilizantes, a meta também é chegar próximo ao dobro do volume atual, atingindo 3,5 milhões de toneladas nos próximos sete anos.

          Afim de chegar ao objetivo de dobrar de tamanho, a companhia investe principalmente em tecnologia. Pelo Cenpes (Centro de Pesquisas da Petrobras), são coordenadas 49 redes temáticas, com 88 universidades – um dos maiores modelos de colaboração entre empresas e o meio acadêmico no Brasil. A descoberta do pré-sal, por exemplo, tem estimulado empresas fornecedoras – incluindo multinacionais – a construir centros de pesquisa no país, em locais próximos às instalações da companhia ou de universidades parceiras.

          Campanha

          Celebrando a data, a Petrobras lança a série “Origem da inspiração”, com cinco filmes em linguagem cinematográfica, de dois minutos cada um. O primeiro, que estreia nesta quinta-feira (3), tem como tema a história da empresa contada de trás para frente, partindo da descoberta do pré-sal. O filme foi dirigido por Paula Trabulsi e Kátia Lund. Os demais também são dirigidos por cineastas, como Juliana Rojas, Anna Azevedo, Álvaro Furloni e Aly Muritiba.

          Além da internet, as peças serão exibidas em cerca de 400 salas de cinema, devendo impactar mais de um milhão de pessoas. Outra ação ligada à celebração é a exposição Petrobras em 60 Momentos, disponível no site da empresa resgatando, em imagens e textos, momentos marcantes da história da década de 50 até os dias de hoje.

          Fonte: Propmark

          Deixe seu comentário

          Nome*

          Email* (não será publicado)

          Site